6

Por que NÃO andar em elefante na Tailândia?

Renata Campos | 18.4.17 |
exploração de elefantes Asia


A Tailândia é um paraíso! Um lugar incrível, exótico, encantador! Isso ninguém pode negar! Maaass, também tem lá seus problemas, como todo e qualquer lugar! O país (e seus vizinhos também) tem um histórico horrível de exploração de elefantes! Até 1989, eles "trabalhavam" carregando troncos de árvores na indústria madeireira. Essa prática foi proibida, mas ainda existe outra que, se bobear é até mais cruel: a exploração dos elefantes no turismo!

Infelizmente, isso só acontece até hoje porque existem (muitas) pessoas interessadas nesse tipo de turismo exploração! Eu espero, do fundo do meu coração, que vocês não sejam esse tipo de pessoa! Porque, gente, andar em elefante NÃO é legal!!! Assistir a "show" de elefante dançando, jogando futebol ou pintando quadros, muito menos. É sério que tem gente que acha isso normal? Divertido? Juro que não consigo entender como uma coisa dessas tem a capacidade de atrair tantos turistas!

Sei que muita gente nem faz ideia do que acontece nos bastidores e/ou nunca parou pra pensar nessa questão da exploração. E outros acabam só se dando conta de tudo quando vêem a crueldade desse tipo de turismo de perto! Por isso mesmo eu me sinto no dever e na obrigação de escrever esse post! Precisamos falar sobre esse assunto para que as pessoas parem de financiar esse turismo perverso, que só existe até hoje porque tem gente que paga por isso!! 

Você pode achar os elefantes bonitinhos, fofinhos (e eles são mesmo) e querer ter um contato um pouco mais próximo. Até aí tá tudo certo! Mas existem outras formas de fazer isso sempre precisar maltratá-los!

Acho que ninguém aqui é inocente o suficiente de achar que um animal selvagem como um elefante vá permitir que coloquem uma cadeira enorme nas suas costas e muito menos que ele vá ficar passeando com turistas pra lá e pra cá por livre e espontânea vontade durante horas, né? Isso por si só já é uma crueldade sem fim. No ano passado (2016), um elefante morreu no Camboja (outro país asiático no qual eles são cruelmente explorados) enquanto passeava com turistas nas costas num calor de mais de 40 graus (leia aqui a reportagem)! Ele não suportou a jornada de trabalho e o calor excessivos que lhe foram impostos. 😥

não ande em elefantes
Olha só a cara de tristeza desses elefantes... 😪
 Imagina passar o dia todo preso aí ou caminhando pelas ruas debaixo do sol com essa fantasia ridícula?
Foto: Diego Delso Wikimedia Commons

Alguns lugares até nem usam essas cadeiras horríveis, mas permitem que as pessoas subam diretamente nas costas do elefante e apenas por alguns minutos. Mas ainda assim não é legal! O problema nem é alguém subir num elefante, até porque uma pessoa em cima de um elefante (sem a cadeira que o machuca) nem deve pesar muito realmente. Só que pra ele permita isso, ele precisa ser torturado! Elefante não é animal doméstico, gente! Ele é selvagem! Não vai deixar qualquer um subir na suas costas assim de boa! 

E sabem o que é feito pra "quebrar esse espírito selvagem" dos elefantes? Eles ficam dias amarrados em lugar mínimo, sozinhos, sem comida, sem água, sem dormir direito e sendo torturados diariamente até chegar um ponto tão lastimável que são capazes de se sujeitar a tudo que o homem mandar! 😞

Dá só uma olhadinha nesses 2 vídeos abaixo pra vocês terem uma pequena ideia do que eu estou falando! Eles são curtinhos, coisa de 2 minutos! Estão em inglês, mas no 1° dá pra botar legenda em português. O segundo mesmo se você não entende inglês vale pelas imagens... que são fortes! 




Horrível, né? Pois é! 😢

Mas, infelizmente, esse tipo de atração ainda é uma das mais populares (e polêmicas) da Tailândia. De uns anos pra cá, isso vem sendo alvo de muitas críticas! Foi assim que surgiram os "santuários de elefantes", entre aspas mesmo, porque de santuário esses lugares não têm nada! Quer dizer, a grande maioria deles! 

Andar de elefantes na Tailândia
Fala que não dá uma agonia ver uma foto dessas? Sério que esse pessoal tá mesmo curtindo o passeio? 😞
E olha que essa foto é de um desses "santuários" de elefantes do norte da Tailândia. 
Foto: Broken Sphere - Wikimedia Commons

Felizmente, existem lugares bacanas que fazem jus ao nome de santuário. Um bom exemplo é o Elephant Nature Park (ENP), em Chiang Mai, cidade que fica no norte da Tailândia e tem dezenas de "santuários" de elefantes! O ENP é o único santuário da cidade (e um dos poucos do país) que é recomendado pelas associações protetoras de animais. E foi ele que eu visitei, depois de muito pesquisar. Contei mais sobre o trabalho que eles fazem e como é a visita nesse post: Elephant Nature Park - Como interagir de forma ética com elefantes na Tailândia.

Mas se você quiser visitar algum outro santuário ou caso não encontre vaga no ENP (elas são restritas e é preciso fazer reserva com bastante antecedência, falei melhor disso nesse post), pesquise muito, leia relatos de quem já foi e procure saber mais sobre o trabalho que esse santuário que você pretende visitar faz. Mas se informe direitinho pra não cair numa cilada e pagar o mico que a atriz Marina Ruy Barbosa pagou quando esteve na Tailândia e visitou um desses santuários fake!

Ela postou no Instagram, mas já apagou, a foto abaixo com a seguinte legenda: "Fiquei encantada com esse acampamento de elefantes aqui na Tailândia! Claro que existem lugares onde esses animais não são tão bem cuidados e não vivem tão bem, por isso, antes de você visitar e fazer esse tipo de passeio se informe bastante". 
Alguns dos vários comentários negativos deixados na foto que atriz publicou (e apagou) no seu Instagram.
Foto originalmente tirada do www.odia.ig.com.br (clique no link para ler a reportagem completa. 

É, mas parece que ela mesmo não se informou muito bem como era o lugar que ela visitou. Um elefante pintado quadros é uma aberração tão grande que eu não consigo acreditar que alguém ache mesmo que isso seja algo natural! Gente, eles não estão pintando um quadro porque são espertos ou "prendados", muito menos porque são pintores natos! Eles foram obrigados a fazer isso... a base de muita tortura! E nesse caso, só não vê quem não quer, reparem na foto que o treinador está segurando um desses instrumentos de tortura que são usados caso o elefante faça algo diferente do programado ou desobedeça alguma ordem! Porque apesar de todos os pesares e de todas as torturas, muitas vezes um elefante o outro "se rebela". Lembra que eles são animais selvagens, neeee? No ano passado,um elefante que matou um turista que estava andando em cima dele e feriu o tratador (clique aqui pra ler a matéria).

E não pense que esses sejam casos isolados não. Um amigo meu machucou feio o joelho ao cair de cima de um elefante na Tailândia (até falei com ele que foi um castigo por ele ter subido no elefante). Claro que casos simples assim não são noticiados, mas acontecem com frequência! Então, se alguém é insensível o suficiente pra não se comover com a crueldade animal, de repente pensando em si mesmo, ajuda! Acho que ficou claro que não é difícil se machucar ou até morrer ao subir em um elefante, né?

Faça seu Seguro Viagem pelo menor preço do mercado. 
Clique no link e faça um orçamento!


Enfim, tomara que esse post tenha servido para, pelo menos, fazer vocês refletirem sobre o assunto! Se alguém pretendia andar em elefante em sua viagem pra Tailândia, ou outro país asiático, espero que tenha mudado de ideia depois de saber toda a crueldade que rola nos bastidores desse tipo de atração. E mais do que isso, que sirva também para abrir a mente e os olhos de vocês para outros tipos de atrações turísticas que envolvem animais e que, infelizmente, são altamente difundidas por aí!

Eu sei que muita gente procura esse tipo de atração porque ama animais! Mas se ama meeesmo deveria parar pra pensar que a vida deles não é nada legal nesses lugares e que o preço que eles pagam pra vocês tirarem uma selfie com eles é enorme! Portanto, gente, nada de foto beijando golfinho ou abraçando tigres e leões dopados. Pelo amoooooooor de Deus! Antes de visitar qualquer atração que tenha animais envolvidos, procure saber mais sobre o lugar, se informe,  reflita se é realmente algo legal, pense no animal e não apenas na sua selfie! E por favor, não financie esse tipo de turismo exploração



👍
Gostou do conteúdo e quer salvar pra consultar depois? Dê um "pin" na foto abaixo, salve no seu Pinterest!
Aproveite para seguir o blog por lá também! 😉

porque não andar em elefante na tailândia



➥ LEIA TAMBÉM
--
Tá indo viajar? 

➥ Reserve sua hospedagem pelo Booking, o maior portal de hospedagem do Brasil. Garanta já o melhor preço e vários descontos. É rápido, fácil e seguro!




➥ Não se esqueça de fazer seu seguro viagem. A Real Seguros trabalha com as melhores seguradoras do país. Compare e escolha a melhor opção pra você. Viaje sem correr riscos!

Seguro viagem asia 728x90

➥ E se for alugar um carro, use o serviço da nossa parceira Rental Cars que compara preços e carros de várias locadoras no mundo todo!




✔ Você não paga nada a mais por nada disso, pelo contrário, economiza conseguindo os melhores preços e descontos! E ainda ajuda esse blog a se manter!! ✌

6 comentários :

  1. Olá Renata, ótimo texto!
    Acho que já passou do tempo de proibirem a utilização de animais no turismo. Sejam dromedários em Natal, golfinhos em Cancún, Tigres (e outros) no Zoo Lujan etc, não é da natureza desses animais, não foram criados para isso...o problema é que enquanto houver pessoas que faça esse tipo de turismo, haverá essa exploração, infelizmente.
    Torço para que um dia isso mude! Parabéns pela abordagem! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Simone!
      Verdade! Passou da hora de todos acordarem pra isso mesmo! Mas o problema é que todo mundo quer uma foto boa com os animais a qualquer custo! Triste, né?
      Tá faltando mais consciência e compaixão!
      Tb tenho esperanças que um dia tudo isso mude... bjs

      Excluir
  2. Oi Renata, amei o texto! Nós como influenciadores temos até o dever de abrir os olhos de nosso público para repensar a respeito do "turismo" com animais. Já passou da hora de termos mais consciência. Fico feliz de você ter tido a iniciativa de falar a respeito, mesmo sendo um assunto tão polêmico ainda. Estou contigo nessa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Thais, obrigada!
      Precisamos mesmo ter mais consciência e repensar nossos atos. E acho também que temos esse papel de fazer as pessoas refletirem sobre esse tipo de "turismo" e difundir isso!
      E muito obrigada pelo apoio! bjs

      Excluir
  3. MARAVILHOSOOOOOOOOOOO!!!!!!!
    Falou tudo que penso sobre esse tipo de turismo de exploração.
    Tem meu apoio!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Maurício!!
      Fico feliz de contar com o apoio de tanta gente bacana! A causa é nobre, não é mesmo! :)

      Excluir

Comente aqui