RêVivendo Viagens

RêVivendo Viagens
  • RêVivendo Fotografias: Igrejinha da Pampulha

    Renata Campos | 29.8.16 | | | | | | | | Seja o 1º a comentar!!
    O Conjunto Arquitetônico da Pampulha recebeu, recentemente, o título de Patrimônio Mundial da Humanidade da UNESCO. Na época (ou seja, no mês passado - julho/2016), eu estava viajando e a notícia acabou passando meio que batida. Eu apenas postei algo a respeito no Facebook do blog e pronto! 

    Eu sei, eu sei, já passou E MUITO da hora de eu escrever um post sobre esse lugar (e outros tantos) tão especial de Belo Horizonte! Mas sabe aquela coisa de que "santo de casa não faz milagre"? Pois é! Morro de vergonha quando as pessoas falam que procuraram posts de BH aqui no blog e não encontraram praticamente nada! Preciso criar vergonha na cara - e principalmente, arrumar tempo - pra escrever sobre os atrativos da terrinha. Maaaas enquanto isso não acontece, farei um RêVivendo Fotografias hoje sobre a Igrejinha da Pampulha, o mais conhecido (e mais fofo) atrativo da região da Pampulha e um dos cartões postais de BH. 

    Além da Igrejinha da Pampulha, também fazem parte do Conjunto Arquitetônico da Pampulha, outros edifícios que ficam na orla da Lagoa da Pampulha. São eles: o Museu de Arte da Pampulha (antigo Cassino), o Iate Tênis Clube, a Casa do Baile e a Casa JK, antiga residência de Juscelino Kubitschek. Foi ele, inclusive, quem idealizou o projeto e pediu a seu amigo Oscar Niemeyer que ficasse responsável pela realização de tudo. Isso ainda na década de 1940, quando JK era prefeito de BH e Niemeyer ainda um arquiteto recém-formado. 

    A Igrejinha da Pampulha, que tem como nome oficial Igreja São Francisco de Assis, foi inaugurada em 1943. Mas durante 14 anos não pôde celebrar missas, pois o bisco da época a considerou muito moderna e que não tinha cara de igreja! Realmente o projeto é ousado e diferente de tudo mas, por isso mesmo, encantador! O que mais chama a atenção do lugar são suas formas diferentes e curvas, bem ao estilo mesmo de Niemeyer, e seu enorme painel de azulejos azuis, obra de Cândido Portinari. Toda essa bela obra ainda é emoldurada pelos jardins do paisagista Burle Marx e pela Lagoa da Pampulha. 

    É ou não é uma verdadeira obra-prima? ♥

    Conjunto Arquitetônico da Pampulha
    A belo painel de Portinari e as formas curvas de Niemeyer da Igrejinha da Pampulha



    Continue lendo ►

    Dica de Hospedagem em Petrolina

    Renata Campos | 25.8.16 | | | | | | | Seja o 1º a comentar!!
    Onde ficar em Petrolina


    A principal atração da cidade de Petrolina é, sem dúvida, o rio São Francisco. O rio serve de moldura e cartão postal não apenas para Petrolina, mas também Juazeiro, na outra margem. Não é a toa que vários bares, restaurantes e hotéis estão estrategicamente localizados na margem do Velho Chico. Afinal de contas, contemplar a beleza do São Francisco é um dos melhores coisas a se fazer em Petrolina (e em Juazeiro também).

    Continue lendo ►

    Salve a Serra da Capivara!

    Renata Campos | 22.8.16 | | | | 10 Comentários
    SOS Serra da Capivara

    Não sei se todos vocês estão acompanhando as notícias sobre escassez de recursos do Parque Nacional Serra da Capivara, no Piauí, e seu risco iminente de fechamento! Mas muita gente tem me procurando para conversar a respeito, já que estive lá recentemente. Eu estava começando a escrever o roteiro da viagem que fiz ao Piauí, mas resolvi parar e escrever esse post pra tentar explicar o que está acontecendo, baseado em tudo que tenho lido a respeito e também conversado com pessoal de lá.
    Continue lendo ►

    Vapor do Vinho - como é o passeio pelo Vale do São Francisco

    Renata Campos | 17.8.16 | | | | | | | | | | | | 5 Comentários

    Vapor do Vinho - Petrolina Juazeiro


    Sem dúvida, um dos passeios mais procurados, bacanas e imperdíveis de Petrolina e Juazeiro é o passeio de barco pelo Rio São Francisco que, inclusive, serve como divisa para as 2 cidades. Entre as opções de passeio, o mais legal e completo é o chamado Vapor do Vinho, que vai além do tradicional passeio de barco pelo São Francisco e inclui também uma visita a uma vinícola. 

    Continue lendo ►

    RêVivendo Fotografias: Praia Pedra do Sal, Piauí

    Renata Campos | 15.8.16 | | | | | | | | | Seja o 1º a comentar!!
    Esse fim de semana postei várias fotos do pôr do sol na Praia de Pedra do Sal, em Parnaíba. Quem não viu, dá só uma olhada que beleza que é www.instagram.com/revivendoviagens. E esse será também o tema do RêVivendo Fotografias de hoje. 

    Apesar de muitos falarem que a Pedra do Sal é a única praia de Parnaíba, isso não é verdade! Pedra do Sal fica a 15 km de Parnaíba, na Ilha Grande de Santa Isabel, município emancipado desde 1993. Ou seja, Parnaíba não tem praia

    Se estiver em Parnaíba e, além de fazer os passeios no Delta, quiser curtir praia, vá à cidade vizinha Luis Correia ou ainda à vila de Barra Grande, 60 km adiante - e aproveite pra passar uns dias lá, o lugar merece. Mas o local mas próximo e de mais fácil acesso (têm ônibus que para em frente) é, sem dúvida, a Praia de Pedra do Sal. 

    Mas assim, sinceramente? Não achei a praia boa pra banho não! Explico: a praia Pedra do Sal é dividia por pedras (que não são de sal, apenas acumulam uma grande quantidade de sal devido ao movimento da maré). A parte mais bonita, que tem menos movimento e menos estrutura tem o mar muito bravo, sendo frequentado basicamente por turistas. Do outro lado, onde o mar é mais calmo, e mais propício pra banho, a praia é lotada de gente, de bares e, infelizmente, de lixo! Eu tive uma péssima impressão quando cheguei! Até que a praia estava bem vazia o dia que fui, mas tinha muito lixo na areia, próximo às barracas. Pra piorar, as barracas tinham som muito alto! O mar em si é limpo! Dá pra nadar numa boa! Eu não gostei mesmo foi das barracas com som (ruim) alto e o lixo próximo a elas. Mas você pode estender sua canga na areia, de costas pra toda essa bagunça e focar no mar! rs

    Mas ignoramos tudo isso e fomos para as pedras que dividem as 2 partes da praia. O visual de lá é belíssimo. E é também um ótimo lugar para assistir ao sol se pondo no mar! Como já chegamos bem no fim do dia, ficamos ali mesmo nas pedras apreciando o entardecer! Ali próximo fica um Parque Eólico e aqueles cataventos enormes dão um charme a mais pro lugar. Tem gente que acha que "polui" o visual, mas eu acho lindíssimo!

    No momento que o sol começou a se por, voltamos para a praia que tinha um cenário ideal para tal, com barquinhos na areia e no mar! Muito lindo! Portanto, a dica para aproveitar o melhor da Pedra do Sal é: vá no fim do dia e aproveite o melhor do lugar. A praia pode não ser das melhores pra se passar o dia, mas o por do sol de lá é imbatível! 

    RêVivendo Fotografias
    Fala que o pôr do sol na praia de Pedra do Sal não é lindo?
    Reparem nas pedras enormes (que não nome ao lugar) no lado direito e nos cataventos gigantes à esquerda! 

    Continue lendo ►

    RêVivendo Fotografias: Revoada dos Guarás

    Renata Campos | 8.8.16 | | | | | Seja o 1º a comentar!!

    Retomando o RêVivendo Fotografias com uma foto de uns dos momentos mais emocionantes da minha última viagem: a revoada dos guarás. A foto não está assim tão boa, mas serve pra ilustrar o momento.

    Bom, mas deixa eu explicar direito o que é essa tal "revoada dos guarás". Esse é o nome de uns dos passeios de lancha no Delta do Parnaíba, no Piauí. Como o próprio nome já diz, a estrela principal desse passeio, que também tem outras atrações, é o momento no qual centenas de guarás (pra quem não conhece, guará é uma ave vermelha liiiiiinda) voam até as árvores que utilizam como dormitório. Essa revoada, que acontece no fim do dia, é um verdadeiro espetáculo. Não apenas pela beleza das aves em si, mas também pelo lugar que fica ainda mais bonito no fim da tarde, com o sol se pondo!

    É ma-ra-vi-lho-so! Só estando lá pra entender e sentir a emoção!
    Em breve farei um post explicando direitinho como é o passeio completo! Fiquem de olho!

    Delta do Parnaíba, Piauí
    A árvore ficando vermelha com os guarás chegando para dormir! Lindo demais! 


    Continue lendo ►

    RêVivendo Fotografias: Stari Most, a "ponte velha" de Mostar

    Renata Campos | 11.7.16 | | | | | | Seja o 1º a comentar!!
    Uma das grandes vantagens de viajar pela Europa é a curta distância entre os países, o que facilita, e muito, o trânsito entre um país e outro. Na minha última viagem ao continente europeu, há exatamente um ano (julho 2015), eu e 2 amigas alugamos um carro para percorrer a Croácia e a Eslovênia. Foi uma experiência maravilhosa, recomendo muito!  

    Bom, mas no meio do caminho, ou melhor, no meio da Croácia, estava a Bósnia Herzegovina. Para ir de Dubrovnik à Hvar, ambas na Croácia, obrigatoriamente temos que cruzar a fronteira da Bósnia, dirigir alguns poucos quilômetros no país, e sair novamente em seguida. E aí nós pensamos, se já vamos entrar no país, porque não aproveitar pra conhecê-lo um pouquinho? E foi o que fizemos, passamos um dia na Bósnia e visitamos a fofa cidade de Mostar e a religiosa cidade de  Medjugorje

    Achei Mostar linda! Pelo menos a parte do Centro Histórico (Stari Grad), que foi onde visitei, é uma graça de lugar! Várias lojinhas, um monte de restaurantes, museus, mesquitas, há muito o que se ver e fazer na cidade. Mas o cartão postal da cidade é sua "Ponte Velha" ou  Stari Most que é, inclusive, Patrimônio da Humanidade pela UNESCO e tema do RêVivendo  Fotografias de hoje! 

    A ponte foi construída no século XVI, mas foi parcialmente destruída na guerra da Bósnia em 1993 e posteriormente reconstruída no início dos anos 2000. A Ponte tem ainda uma importância histórica e simbólica para Mostar, uma vez que une as 2 partes da cidade, que de um lado é predominantemente católica e do outro, muçulmana! Existem outras pontes na cidade que também cruzam o rio Neretva, mas nenhuma tem a importância histórica que a Stari Most tem! 

    A histórica Stari Most a "ponte velha" de Mostar. 


    Continue lendo ►

    RêVivendo Fotografias: Grand Canyon

    Renata Campos | 4.7.16 | | | | | Seja o 1º a comentar!!
    Hoje é dia 04 de Julho! Dia da Independência dos Estados Unidos! A data é super comemorada por lá e eu, inclusive, já contei nesse post Comemorando o 4 de Julho em NY e NJ, minha experiência em 2 feriados em terras americanas. 

    Por essas e outras, o RêVivendo Fotografias de hoje é de um dos lugares que eu mais sonhava em conhecer no Estados Unidos e o qual eu já cortei da minha bucket list logo na minha primeira vez por lá: o Grand Canyon. Gente, que lugar! Fiquei maravilhada! 

    Eu fiz apenas um bate e volta de Las Vegas. Mas mesmo na minha curta estada por lá, achei tudo maravilhoso! Nenhuma foto traduz realmente a beleza de tudo! É cada vista mais sensacional que a outra! Verdadeiramente emocionante! Mas emoção mesmo foi sobrevoar o Grand Canyon de helicóptero! O voo foi bem rapidinho, mas valeu muito, muito a pena! No passeio de helicóptero ainda estava inclusivo um passeio de barco por entre os cânions! Demais o lugar! 

    Existem vários tours diferentes de helicóptero e o preço varia muito entre um e outro. Você pode escolher só sobrevoar o Grand Canyon num passeio mais curto ou mais longo. Pode conjugá-lo com outros passeios passeios, como o de barco que eu fiz ou com trilhas, ou cavalgadas, ou outros passeios terrestres E ainda é possível ir de Las Vegas pra lá de helicóptero também! No site do próprio Grand Canyon você encontra todas as informações e preços. Dá uma olhada aqui.

    Seja como for, sobrevoando, navegando ou caminhando, não deixe de conhecer o Grand Canyon! O lugar é demaaaais!

    Grand Canyon, Estados unidos
    Uma pequena, bem pequena mesmo, amostra da grandeza e da beleza do Grand Canyon! 

    Continue lendo ►