26

Viajar ou não sozinhA pro Egito? Eis a questão...

Renata Campos | 6.3.13 |
Esse post é especialmente dedicado às mulheres que pretendem se aventurar pelo Egito, principalmente àquelas que pretendem fazer isso sozinhas!

Apesar de eu não ter viajado sozinha, a ideia inicial era essa! Como eu contei no post Roteiro de viagem ao Egito, eu fiquei enlouquecida quando, de repente, me deparei com a possibilidade de viajar pro Egito. Comprei passagens pra ir sozinha mesmo, sem nem pensar direito a respeito disso antes. Só depois 2 amigos resolveram viajar comigo. 

Mas peraí, será que rola de uma mulher viajar sozinha pro Egito?

mulheres egípcias


Quando comprei minha passagem pro Egito, comecei a pesquisar sobre como seria para uma mulher viajar sozinha pra lá. Li muitos relatos, revistas, sites e blogs. Achei de tudo um pouco: histórias de “simples” constrangimentos, assédios morais, sexuais e até mesmo casos de estupros!! Notícias como essa Brasileiras falam de onda de violência contra mulheres no Egito, eu li aos montes. Lógico que na hora rola um frio na barriga, não vou negar! Mas também li muitas mulheres dizendo que não tiverem problema algum com nada, nem ninguém!!

Resolvi encarar a viagem solo, mas decidi que contraria um guia (pra ser meu guarda-costas!? rs). Não apenas por estar sozinha, mas porque também tinha lido muitas histórias sobre o quão espertinhos e oportunistas podem ser os egípcios com os turistas, com uma mulher sozinha então a coisa poderia ser bem pior. Fui, então, procurar agências locais e me deparei com a Holaegypt. Desde o primeiro momento gostei muito da atenção e presteza deles. Tive total liberdade de montar o meu próprio roteiro com o número de dias, os lugares e o que eu queria fazer! Fiz tudo do jeito que eu queria e eles se esforçaram pra me atender!

E que fique claro: estou indicando a agência por gostei muito mesmo, não ganhei nada pra fazer nenhum tipo de publicidade, ok?

Seguro viagem geral 468x60

Bom, mas aí, quando o roteiro já estava fechado, a Vivi, uma amiga de outra amiga, veio me pedir dicas de lugares para viajar nas férias dela! Falei do Egito e ela não só topou como chamou um outro amigo, o Ricardinho, pra ir também! Eles se adaptaram ao meu roteiro e viagem foi ótima! Acredito, mesmo, que eu não teria aproveitado tanto se eles não estivem comigo!

Porque, vamos combinar que o Egito está longe de ser os EUA ou a Europa (que foram os lugares pra onde eu já viajei sozinha), né? Em todos os sentidos, claro! Mas estou me referindo às facilidades e segurança para uma mulher viajando sozinha. Esse, sim, é o maior problema! Aquele lance de andar sozinha pelas ruas pra lá e pra cá, interagir com as pessoas na rua de forma natural é bem mais complicado no Egito, principalmente pra uma mulher, sozinha então... Afinal de contas, é outra cultura, outra religião, outra cabeça, outra visão de mundo.... outra história!!

Apesar de o Egito ser um dos países mais, digamos, liberais do mundo árabe, ainda assim, são mulçumanos. Praticamente todas as mulheres egípcias usam, pelo menos, um véu na cabeça para cobrir os cabelos. Roupas largas, compridas e coloridas é o que mais se vê por lá! As mais tradicionais ou religiosas usam abayas (aqueles “vestidos” compridos e, geralmente, escuros) e niqabs (os que tampam todo o rosto, só deixando os olhos de fora). O preto demonstra respeito e fidelidade ao marido.


Já as moderninhas, especialmente as mais jovens, usam roupas tipicamente ocidentais: calça jeans e blusinhas coladas, mas sempre com o véu na cabeça. Isso no Cairo, as cidades do interior ainda são mais conservadoras. Com exceção da Península de Sinai, no mar vermelho, lá as pessoas são open minded, como nos disseram, nem parece ser Egito.

Mulheres egípcias
Mulheres egípcias
Mulheres egípcias
Mulheres egípcias
As espetaculosas mulheres do Cairo! rs

Lembram da novela Caminho das Índias onde eles comentavam sobre as "espetaculosas mulheres do Cairo"? hehe. E que elas se sentavam em locais que vendem bebidas alcoólicas "como se fossem homens"! E é verdade! Apesar de não beberem! Bebida alcoólica é proibida para muçulmanos, que acabam compensando isso fumando. E como fumam...

Por isso, muitos lugares não vendem bebidas, mas todo e qualquer lugar tem shihas (narguilés) aos montes, tanto pros locais quanto pros turistas! E é comum encontrar grupinhos só de mulheres sentadas em bares fumando suas shishas, fofocando e dando altas risadas. Achei bem legal. "Moderninho", né? rs

bar egípcio
Bar egípcio com uma shisha em cada uma das mesas

Mulheres egípcias na happy hour

Por essas e outras não é nenhuma novidade que nossos hábitos e roupas causem estranheza aos egípcios. Por mais que eles estejam acostumados com turistas e que usemos roupas comportadinhas (nada de pernas de fora, nada de ombros de fora, nada justo), ainda assim chamamos muita atenção! Não apenas pelas roupas, mas pelas atitudes e também pelos cabelos soltos! As mulheres egípcias só mostram os cabelos para os familiares, dentro de casa. Se quiser (tentar) chamar menos atenção, uma dica é prender os cabelos! Mas só me toquei disso lá pro meio da viagem quando um sujeito disse que meu “golden hair” era sexy! Pois é, as egípcias têm cabelos escuros, portanto as loiras chamam ainda mais atenção!

Imagina eu, com essa cabeleira loira no alto dos meus 1,80m ainda queria passar despercebida! Impossível! Afff... Se bem que acho que nenhum turista passa batido por eles não!! Assim como as mulheres egípcias, usando suas vestimentas típicas, são alvo de nossos olhares curiosos, nós também atraímos a atenção deles! Isso é natural e acontece em qualquer lugar do mundo onde a cultura e as roupas sejam diferentes. Quem nunca ficou olhando (e tirando fotos) pros bolivianos e peruanos ou indianos com aquelas roupas típicas e coloridas, que atire a primeira pedra!

De toda forma, o jeito que eles nos olham é, sei lá, desconcertante! Eles, os homens! As mulheres nem se aproximavam de nós e até desviavam os olhares. Mas os homens... eles encaram mesmo, têm um olhar penetrante e, muitas vezes, intimidante. Eu ficava incomodada, principalmente no começo, mas com o tempo a gente se acostuma. Até porque a maioria só olha mesmo! Mas tem os engraçadinhos que falam bobagens. Em alguns lugares a impressão é quase como estar andando, de biquíni, dentro de uma construção lotada de pedreiros. Sabe como?

Vocês não tem noção, o assédio é enoooorme!!
Eu perdi as contas de quantas propostas de casamento eu recebi!! É serio! Quiseram me trocar por tudo, desde os clássicos camelos, passando por pencas de bananas (oi!?), tapetes, jóias e até ferraris! Hahaha

Juro que eu achava que tudo isso era lenda! Não achava que isso acontecia de verdade. Pelo menos não daquele jeito, não com aquela naturalidade! Era tudo tão descarado que chegava a ser engraçado! Nós levamos tudo super na boa também, morríamos de rir da situação, da cara de pau, do jeito que a abordagem era feita! De uma forma geral, achei os egípcios muito simpáticos, respeitosos, educados, gentis, divertidos e bem humorados. Mas acho que se eu tivesse sozinha ia ficar meio que com receio... sei lá!

O engraçado é que, na maioria das vezes, os homens chegavam primeiro no meu amigo pra negociar o "casamento" comigo ou com minha amiga!!! Ele recebeu muito mais propostas de casamento pra gente, do que a gente mesmo. Portanto, não pense você, mulher que está indo viajar acompanhada, que terá trégua! Que nada!! É melhor entrar no clima e falar pro namorado/marido levar na boa também! Afinal de contas, não passa de uma brincadeira, né? A gente encarava assim!

Uma dica pros casais apaixonados é evitar demonstrações de afeto na rua. Os egípcios não fazem isso e, inclusive podem até ser presos se o fizerem! Sério! É proibido beijar em público para não despertar “imaginações impuras”!!!! Já que é assim, é melhor evitar despertar qualquer tipo de imaginação neles então, não é? Mas vímos tanto mulheres quanto homens andando abraçados e de mãos dadas. Ou seja, carinhos de mulheres entre si e homens entre si, pode! Mas entre homens e mulheres, não! Entendeu? Também não estranhem ao ver homens se cumprimentarem com 3 beijinhos, é comum! Já o cumprimento para mulheres é apenas um aperto de mão, isso quando acontece!

                                 

Outra coisa intrigante, as mulheres egípcias não conversam com turistas. Pelo menos, não conversaram com a gente. A não ser as que trabalham no comércio. Mas assim, na rua, nada de interação! Não sei se é porque não falam outra língua ou se é cultural mesmo. O que sei é que as mulheres solteiras de lá não podem conversar com homens, sejam nativos ou turistas. Mas o mesmo não vale para os homens solteiros! Como eu já disse, eles nos abordam o tempo todo. Umas das coisas mais engraçadas que eu achava era eles nos pedirem nosso facebook, assim, na rua, do nada! Teve um cara que, depois do tradicional “Where are you from?” que inicia quase todas as abordagens, sacou um notebook de dentro da bolsa e antes mesmo de perguntar meu nome, me pediu que o soletrasse pra me adicionar no facebook! Pode? rs

E quando vierem te perguntar de onde você é, se você não quiser muito papo, JAMAIS diga que é do Brasil. Eles têm verdadeira paixão pelo país e não te deixarão em paz! São capazes de escalar a toda a seleção brasileira e falar de jogadores que eu nunca ouvi falar!! No começo é até legal ver o tanto que gostam do nosso país e tal, mas depois ouvir uns 50 “Where are you from?” por dia, você já não aguenta mais.

Quando estávamos indo pro deserto, o trocador do ônibus veio puxar papo com a gente e ao responder Brasil, meio sonolenta e entre os dentes e o cara entendeu França!! Nada de festa, a única coisa que ele disse foi: “Oh, France, ok” E saiu! Bingo!!! Passamos, então, a responder que éramos de qualquer outro lugar do mundo, menos Brasil! E não é que deu certo?!

A Ana Carla, uma menina que conheci pelo twitter quando estávamos planejando a viagem, disse que ficou traumatizada com o tal “Where are you from?” pra lá e pra cá! Ela estava viajando com a mãe e também adoram a técnica de não dizer que eram brasileiras. Nos encontramos em Dahab e, conversando, percebemos que passamos pelos mesmos perrengues. Elas também sofreram com as investidas e olhares masculinos, com os taxistas espertinhos, com a insistência dos vendedores, de ter que dar gorjeta pra tudo e todos e, ainda, com a ‘pedição’ pra tirar foto!

É, no Egito, a gente vira celebridade!!
É um tal de pedir pra tirar foto! Só faltou pedir autógrafo! rs Nos mercados, então! É só você comprar alguma coisa que tem que tirar foto com os vendedores! Às vezes nem precisa comprar nada não! E eles são, geralmente, tão simpáticos e educados que a gente acaba ficando sem graça de dizer não! Sem graça mesmo eu ficava de tirar a foto! Mas só eu, porque a Vivi, minha amiga, não! Acho que a Vivi deve ter foto com quase todos os vendedores de todos os mercados que passamos. Eu ainda dava um jeito de fugir, me esconder, mas ela fazia a alegria dos vendedores! E com eles, felizes da vida, era bem mais fácil negociar e conseguir descontos, né? hehe

Mas a foto mais engraçada de todas foi essa aqui de baixo. Estávamos na festa à fantasia do navio tirando fotos uns dos outros e um segurança se aproximou e se ofereceu pra tirar uma foto de nós três. Ótimo! Mas aí ele vira e fala que quer tirar uma foto com a Vivi!! Ela nem teve tempo de reagir e o cara já tá lá fazendo pose à la Titanic!! Ela tava chorando de rir e ele lá, fazendo pose com cara de galã!!! Hilário!

Vivi fazendo pose de Titanic na festa à fantasia do navio.

Outro episódio surreal relacionado à foto aconteceu em Aswan. Saimos do navio pra procurar um sinal de wifi e um bando de adolescentes nos parou na rua, assim do nada, e pediu pra tirar foto!! Eram vários deles que ficavam se revezando entre tirar e aparecer na foto. E dessa vez até mesmo o Ricardinho entrou na dança! Tiraram várias fotos com ele também!

Momento celebridade!

Mas eu tenho uma teoria melhor para o episódio do nosso momento celebridade! Acho que eu devo parecer com alguma artista egípcia, uma artista infato-juvenil!
É sério!

Estavámos no Museu do Cairo e percebi um burburinho. Me virei e dei de cara com um monte de pré-adolescentes egípcios me encarando, cochichando entre si e rindo. Saí da sala e vi alguns me seguindo e apontando pra mim. Que isso, gente? O que eu fiz? Sem entender nada continuei andando, entrei em outra sala e vi, pelo vidro, dois meninos bem atrás de mim me observando. Me virei e já ia perguntar o que estava acontecendo mas eles saíram mais que depressa e se juntaram aos coleguinhas que esperavam na porta. Saíram todos cochichando e olhando pra trás. Vai entender..

Enfim, essas foram algumas das histórias que nos aconteceram durante a viagem! A ideia aqui não é, de jeito nenhum, desencorajar alguém de visitar esse país incrível, muito antes pelo contrário! O intuito é apenas compartilhar o que vivi no Egito, especialmente com as mulheres que estão planejando ir pra lá. Acho que se você já espera por algo e sabe que aquilo é comum, você já encara de forma mais tranquila! Afinal de contas, uma mulher prevenida vale por mil, não é isso que dizem? Hehe
De toda forma, evitar o assédio é impossível! E fugir dele, só saindo correndo mesmo! O que, às vezes dava até vontade de fazer, viu? Rs

Resumindo, EU acho que é meio complicado uma mulher viajar sozinha pro Egito. E quando eu digo sozinha é sozinha mesmo, por conta própria!! Agora, indo sozinha e contratando um guia, aí sim, acho super tranquilo! Não tô falando pra comprar um pacote e visitar os lugares a bordo de um ônibus enorme lotado de turistas! Pelo amor de Deus! Dá pra fazer isso de uma forma mais legal, num grupo menor ou até mesmo com um guia só pra você, como fizemos!

Vivi, eu e nosso guia Abdel, na Mesquita de Mohamed Ali. 

--
Tá indo viajar? 

➥ Reserve sua hospedagem pelo Booking, o maior portal de hospedagem do Brasil. Garanta já o melhor preço e vários descontos. É rápido, fácil e seguro!





➥ Não se esqueça de fazer seu seguro viagem. A Real Seguros trabalha com as melhores seguradoras do país. Compare e escolha a melhor opção pra você. Viaje sem correr riscos!

Seguro viagem geral 728x90



➥ E se for alugar um carro, use o serviço da nossa parceira Rental Cars que compara preços e carros de várias locadoras no mundo todo!



✔ Você não paga nada a mais por nada disso, pelo contrário, economiza conseguindo os melhores preços e descontos! E ainda ajuda esse blog a se manter!! ✌

26 comentários :

  1. Re, babei muito na sua viagem... e adorei saber mais um pouquinho das suas percepções de lá! Qdo for devo ir com marido e a penca de filhos, mas adoro ler essas histórias! ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Cláudia, que bom que gostou!! :-)
      O Egito vale mesmo muito a pena!! Vocês irão adorar a viagem!

      Excluir
  2. Acho o Egito fantástico, e sou super contra todo mundo que não quer ir para lá só por conta do que se houve. Claro que sempre é bom ter os olhos abertos e não passar dos limites (roupas comportadas e tal), mas em geral, concordo com você: o máximo de problemas que se tem é como se andássemos num lugar cheio de pedreiros!

    Eu não tive tanta sorte nas negociações de casamento! :P Fui com a minha prima, que é baixinha e de rosto arredondado, fora um tipo físico que realmente parece com uma mulher muçulmana. De modo que todos os camelos ficaram para ela! (não que eu esteja reclamando... mas era engraçado, ela mal podia andar na rua que lá vinha proposta!).

    Viagem mágica essa, né, Rê?! Adorei o post!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A viagem é realmente mágica, Clarissa!
      O Egito é incrível e é uma pena as pessoas deixarem de conhecê-lo por medo ou qualquer outra coisa!!

      E sorte a sua você não fazer o tipo deles, Clarissa... Mas acho que é porque eles gostam de fartura de carnes, as magrinhas não têm vez! rs

      Excluir
  3. Show menina, adorei o post. Dei boas risadas por aqui, imaginando as negociações na nossa visão tão ocidental. Abraços,
    Paula do Mochilinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Paula!!
      Realmente é tudo muuuito diferente do que estamos acostumados!! Mas aí é que está a graça, não é mesmo? rs
      Abraço!

      Excluir
  4. Otimo post ! Achei legal vc ter lembrado que se pode viajar com agência e sem pacote, as pessoas não sabem direito a diferença. Ter um guia é essencial em alguns países.
    E olha se eu fosse tua amiga não tinha recusado a ferrari hahahaha
    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Nivea!
      Pois é, existem formas mais interessantes de se uma usar uma agência sem ser com um pacote fechado (quando essas agências permitem isso)!! :-)
      Hahaha... até eu teria aceito a ferrari se fosse o contrário!! rsrs
      bjo

      Excluir
  5. Adoreiiii estou querendo ir sozinha. Qual e o valor de um guia? Por dia, por semana?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fla,
      Humm.. não sei te informar, não fechei diretamente com o guia, mas com uma empresa (guia + carro com motorista). A empresa é a Holaegypt mas tem várias outras no Cairo também! ;-)

      Excluir
  6. Oieee estou rindo muito de tudo e feliz por sua viagem muito interessante vou ao Cairo em dezembro ou janeiro e adorei tudo tudo que me foi passado vcs são incríveis mesmo meu Facebook é juju Juju Guerreira Botafoguense adoraria ter vcs como amigas. Ah detalhe vou me casar com um egípcio cristão ihhhhhhh uma longa história. ... bjsss e voltarei para falarmos mais. .. juju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Juliana, que bom que gostou! :-)
      Você vai amar o Egito também!! Gente, vai casar com um egípcio? Como é isso? rsrs
      Volte sim e conte tudo o que achou do país e sobre o casamento também.. hehe
      bjos

      Excluir
  7. Anônimo21.9.13

    Re
    raxo de rir com seus posts... eh sua cara.... divertida sempre!!! e vc de celebridade ficou otima! kkkkkkkkkkkkkk

    Bjss
    Saudades
    Re (Regina SP)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Re,
      Vc viu que comédia? haha
      Tem coisa que só acontece comigo mesmo! rs
      Saudades também, mulher!!
      bjos

      Excluir
  8. RENATA,GOSTEI MUITO DA SUA VIAJEM,VOCÊ ME DEU ANIMO PARA EU IR PARA O EGITO,PRETENDO IR AGORA DIA 30/10/2013,EU CONHECI UM MUÇULMANO PELA INTERNET,VAI FAZER 3 MESES QUE TEMOS CONTATOS,AGORA ESTOU INDO LÁ,PRA CONHECER-LO PESSOALMENTE,ESTAVA COM RECEIO,MAS LENDO O SEU BLOG,DEU ANIMO,MAS ELE QUER CASAR COMIGO,CONFESSO ESTOU COM MEDO,MAS SE DEUS QUISER VAI DAR TUDO CERTO,BJUS RENATA TUDO DE BOM ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Sheila, o Egito é super bacana. Mas uma coisa é ir pra fazer turismo, outra é pra casar..rs. Vá, mas fique sempre com um pé atrás, viu? Boa sorte!

      Excluir
    2. EU LHE AGRADEÇO POR ME RESPONDER,VOU SIM,SE DEUS QUISER,QUANDO EU ESTIVER LÁ,IREI POSTAR TUDO,BJUS.....

      Excluir
    3. Boa sorte e boa viagem

      Excluir
  9. Anônimo13.4.15

    Oi Renata, tudo bem?

    Estou indo para o Egito em Outubro, você poderia passar os contatos do seu guia? Gostaria de contratar um. :-)

    Gostaria de trocar experiências contigo a respeito, como consigo contatar você?
    Se puder, meu e-mail é rogerio_falzoni@yahoo.com.br
    Abraços e parabéns pelo seu site.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rogério, tudo bem?
      Obrigada!
      Como eu disse no post, fechei os serviços de guia com a empresa Holaegypt. Entre em contato com eles através do site http://www.holaegypttours.com/

      Qualquer outra dúvida ou pergunta que tiver, pode escrever por aqui mesmo!!
      Abs

      Excluir
  10. Oi, adorei o post, senti a sua simpatia no seu texto! hahahaha
    To indo pro Egito agora em julho, vou fazer um trabalho voluntário por lá, então pretendo sempre andar em grupo.
    E agora já sei, vou sempre responder que sou da França :)
    Já salvei seu blog pra eu ler mais posts depois.
    Beijão :)

    www.blogqueroir.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tatiane, obrigada!
      Que bacana, vai amar o Egito!
      Hahaha... depois em conta se o truque francês deu certo! ;-)
      Bjos

      Excluir
  11. Oi,acabei de ter seu post e achei muito interessante. Estou indo ao Egito em duas semanas com meu esposo e um grupo de amigos. Gostaria de saber se tenho que usar pantalona e blusa de mangas longas todo o tempo? E tb vou a uma festa CHIQUE,( NÃO É FESTA A FANTASIA) gostaria de saber o que usar? Obrigad, Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Maria, tudo bem?
      Desculpe a demora em responder. Mas estive viajando no último mês! Acho que você foi viajar, né? Foi mal..
      Bom, mas o ideal é você se vestir coberta o tempo todo sim! Ombros e joelhos não podem aparecer, assim como também não é legal usar roupas justas.
      Quando à roupa de festa, é mais complicado, hein? Mas o ideal seria um vestido longo que cubra os ombros!

      Excluir
  12. Anônimo9.1.17

    Oi Renata! Minha filha de 18 anos está querendo ir ao Egito com a prima de 16, aproveitando que estarão em Atenas. Você recomenda? O que devo fazer para aumentar sua segurança? O guia funconaria?
    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Desculpe a demora em responder. Mas estive viajando no último mês!
      Bom, acho meio complicado uma viagem dessas para 2 meninas tão novas! Mas acredito que se foram com guia, ajudaria muuuuuito sim!
      Boa viagem pra elas!

      Excluir

Comente aqui