4

O que fazer em Bucareste, na Romênia

Renata Campos | 14.8.19 |
roteiro bucareste romenia


Bucareste geralmente é a porta de entrada de turistas na Romênia. A cidade foi meu primeiro destino no país, onde fiquei 8 dias, sendo apenas dois na capital. Mesmo com pouco tempo lá, consegui conhecer bastante coisa. Nesse post darei todas as dicas do que ver na cidade, onde ficar e como chegar! Confira.


COMO CHEGAR EM BUCARESTE


No post Dicas para planejar uma viagem pra Romênia, eu já falei sobre as maneiras de chegar no país e até dei umas dicas de como economizar nesse quesito. Agora então, vou falar como eu cheguei em Bucareste.

DE ÔNIBUS


É bem comum as pessoas incluírem Bulgária e Romênia num mesmo roteiro. Dessa forma, a melhor maneira de se locomover entre os 2 países seria por terra, de ônibus ou carro. Foi o meu caso. Cheguei em Bucareste de ônibus vindo de Veliko Tarnovo, na Bulgária. Paguei pouco mais de 7 euros num ônibus da FlixBus que estava vazio que só! Uma beleza! A viagem era pra ter durado 3:30 mas ficamos mais de meia hora parados nas fronteiras pra fazer imigração e acabou atrasando.

Bom, aqui vale um parêntesis: Eu tinha lido em vários lugares que não existia ônibus direto de Veliko Tarnovo pra Bucareste, era preciso fazer uma parada em Ruse, cidade búlgara que fica quase na fronteira e, de lá pegar outro ônibus pra continuar viagem. Por isso, muita gente acabava aproveitando pra passar uma noite em Ruse pra conhecer a cidade.

Mas, desde maio já existe um ônibus direto de Veliko Tarnovo da Pegasus pro aeroporto de Bucareste (que para no centro também). Fui contando com esse ônibus, mas o pessoal do hostel que fiquei disse que a FlixBus tinha começado a fazer essa linha também. Ou seja, pelo visto, agora existem essas 2 opções de ônibus direto! #FicaaDica pra quem estiver fazendo um roteiro semelhante.


Optei pela Flixbus porque o horário era melhor, era mais barato e dava comprar com antecedência, mesmo que de 1 dia (quase não consegui embarcar de Plovdiv pra Veliko Tarnovo e não queria correr esse risco novamente indo pra Bucareste). A desvantagem é que o ponto final é a Autogara Militari, um terminal rodoviário pequeno e afastado do centro da cidade.

Mas eu já tinha olhado antes e vi que tinha uma estação de metrô bem ao lado. Pensei, tranquilo então! Mas eu não contava com o fato de não haver nenhum lugar pra trocar dinheiro nas redondezas. Lembrando que a moeda da Romênia (e da Bulgária também) não é o euro.

E então, eu tinha 2 opções, sacar dinheiro (no caso leu romeno) em algum caixa eletrônico ou pagar a passagem do metrô no cartão crédito. Fiquei com a 2ª opção. Mais um exemplo da importância de se viajar sempre com um cartão de crédito/débito habilitado pra uso no exterior, nem que seja só pra emergências, como essa.

Faça agora mesmo uma cotação do Seguro Viagem e garanta o melhor preço. 

Se não fosse isso, eu teria que andar não sei quantos quilômetros pra achar uma casa de câmbio pra trocar dinheiro e pagar o transporte até o hotel/hostel. Sem falar que está cada vez mais comum na Europa, os lugares só aceitarem cartão.

Ateneu Romeno Bucareste
Ateneu Romeno

DE AVIÃO


Se você estiver vindo de algum outro país europeu, muito provavelmente irá chegar em Bucareste de avião. O aeroporto internacional de Bucareste recebe o nome de Henri Coanda, mas é popularmente conhecido como Otopeni - OTP e fica a quase 20km da cidade.

Ainda não existe uma linha de metrô que conecte o aeroporto ao centro, mas ela já está em fase de construção. Atualmente, a maneira mais econômica de ir e vir pro aeroporto é de ônibus mesmo. A Linha Expresso 783 é a melhor opção e liga o aeroporto ao centro da cidade. Foi ela que usei para ir ao aeroporto buscar o carro que eu tinha alugado para percorrer a região da Transilvânia. Saem ônibus a cada 20 minutos durante o dia ou 40 minutos à noite.



ONDE FICAR EM BUCARESTE

NO CENTRO DA CIDADE


Fiquei hospedada no Sleep Inn Hostel. Quando fui reservar, o que mais me chamou atenção foi a nota alta no Booking pra localização: 9.2. Mas chegando lá eu assustei! A rua era de terra e toda esburacada. A 1ª impressão não foi das melhores mas depois que me situei eu entendi que realmente a localização era muito boa, pois ele fica próximo a vários atrativos. Mas o local em si, a rua onde o hostel fica é bem esquisita.

A estrutura do hostel não é das melhores, mas também não chega a ser ruim. O ponto mais positivo de todos é o preço. Paguei 8 euros na diária. Isso em pleno verão que é alta temporada, hein? Mas, sugiro você pagar um pouquinho a mais e ficar hospedado num lugar um pouco melhor como o o Hostel Bauhaus Bucharest, que era minha 1ª opção mas demorei pra reservar e ele lotou!

Outras opções de hostels seriam o First Hostel Bucharest, o Podstel Bucharest e o Podstel Umbrella, todos têm notas acima de 9 no Booking. Mas se preferir mais privacidade, uma alternativa também em conta é ficar num apartamento. Esses aqui parecem ser bem legais e têm notas boas: Rezident, Academy Apartment e AT Central Apartments e esses apart-hotéis: Heights Accommodation e Bucur Acommodation também.

Prefere ficar em hotel mesmo? Todos esses aqui têm boas avaliações e localização excelente, bem central: Hilton Garden InnConcorde Old Bucharest Hotel, Hotel Cismigiu, Grand Hotel Continental, Rembrant Hotel.  K+K Hotel ElisabetaEuropa Royale, Novotel City Centre


PRÓXIMO AO AEROPORTO 


No meu último dia na Romênia, depois de ter percorrido a Transilvânia de carro, eu optei por ficar hospedada num hotel próximo ao aeroporto já que meu voo sairia no outro dia pela manhã. Escolhi o Mag Hotel, pelo preço e por ter um piscina. Achei que ia chegar cedo e ficar lá curtindo a piscina e relaxando. Mas essa não foi uma boa opção. Dei bem azar com minhas escolhas em Bucareste, viu? rs

O hotel em si, apesar de ser escondido e praticamente sem sinalização nenhuma (um cara na rua que me viu andando pra lá e pra cá foi que me indicou onde era o hotel), não era ruim. Apesar de meu quarto ser todo de vidro, mas com cortinas pra fechar, ele era arrumadinho. Mas a dona/gerente, sei lá o que era muito grosseira, me recebeu super mal.

Então, eu sugiro que vocês escolham outro lugar. Os hotéis Rin Airport HotelAviator Boutique Hotel, Hotel Charter Otopeni, City Comfort Villa, Viena House Easy Airport, Amethyst HouseIshtar Residence Hotel ficam bem próximos ao aeroporto. E também existe opção de apartamentos com o Otopeni Harmony Residence, Air&Aqua Residences Otopeni e Otopeni Airport Apartment e até mesmo um hostel Taxi Hostel.

OBS: Marquei todas essas opções de hospedagem que sugeri aqui, com os respectivos links para vocês verem mais detalhes, com um pontinho azul (já os lugares que me hospedei tem um desenho de uma cama) no mapa abaixo, que tem também todos os atrativos turísticos que cito nesse post.




O QUE FAZER EM BUCARESTE


Bucareste não é lá uma cidade com grandes atrativos turísticos, mas tem lugares interessantes pra se conhecer, prédios bonitos e vida noturna animada. Vale uma passagem de um ou dois dias pra depois seguir viagem para outros lugares mais interessantes do país.

Tirando um ou outro atrativo que fica um pouco mais afastado, dá pra fazer tudo caminhando sem grandes esforços. De toda forma, tanto ônibus, quanto metrô funcionam bem e são baratos!

Vou listar aqui alguns lugares que acho que valem a pena ser visitados em Bucareste:

IGREJAS


Bucareste tem várias igrejas ortodoxas lindonas. Destaco essas 4 que merecem uma visita, mesmo que rapidinha:
  • Biserica Alba (White Church): como o nome já sugere, a igreja é toda branca por fora. Mas por dentro é bem colorida, com várias pinturas bonitas, como é de costume das igrejas ortodoxas. Fica na Calea Victoriei, uma das principais avenidas da cidade.  
  • Biserica Kretzulesco: construída em 1722 com tijolos vermelhos, a igreja é simples, mas uma gracinha. Tem uma pinturas bonitas e relativamente bem preservadas. Fica em frente à Praça da Revolução. 
  • Biserica Manastirii Stavropoles (Stavropoleos Monastery Church): hoje funciona uma igreja no local que foi construído originalmente como um monastério de freiras há cerca de 300 anos. O lugar é bem pequeninho, mas as pinturas são muito preservadas e lindas. Ele fica bem no meio da Old Town, próximo à cervejaria Caru' cu Bere.   
  • Biserica Stânful Gheorghe Nou (Saint George New Church): essa foi um dos lugares que mais gostei de conhecer em Bucareste. Talvez por ter sido uma grande surpresa, eu já tinha passado por ela várias vezes, sem dar muita importância, mas quando visitei fiquei encantada com o lugar, as pinturas, as cores. Muito linda!
    Gostei tanto que ela até ganhou um post exclusivo! Clica aqui pra ler. 
dicas de bucareste
Biserica Alba à esquerda e Biserica Kretsulesco à direita
igrejas de bucareste
As 3 fotos de cima são da Biserica Manastirii Stavropole.
Já as 3 fotos de baixo da Biserica Stânful Gheorghe Nou

PRAÇAS 

Destaque para essas 3 praças de Bucareste que valem a visita não pelas praças em si que, sinceramente, não tem nada demais. Mas sim, pelo entorno. 
  • Piatta Unirri e Boulevard UnirriPraticamente toda cidade romena que visitei tinha sua Piatta Unirri, ou Union Square, ou Praça da União, como queiram. É a praça principal da cidade. Super movimentada, com muitas lojas no entorno. Já o Boulevard é uma área verde gostosa de caminhar. 
  • Piața Sfântul Anton: praça onde fica a lidinha igreja de mesmo nome (Biserica Sfântul Anton Curtea Veche) e, ao lado, o Palácio Curtea Veche (Corte Antiga) que era a residência dos líderes do país, ou seja, foi uma das casas onde o Conde Vlad morou. Hoje em dia o lugar virou um museu mas quando eu estive lá (julho de 2019) estava fechado para reforma. 
  • Piata Revolutiei: a Praça da Revolução (Revolution Square) como o nome já diz, foi palco de confrontos durante a revolução de 1989, que resultou com a queda do ditador Ceausescu. Antes disso, ela era conhecida como Praça do Palácio, pois fica em frente ao antigo Palácio Real, que hoje é o Museu Nacional de Arte da Romênia. 
dicas de bucareste
Estátua do Rei Carol I, em frente à biblioteca universitária que fica ao lado da Praça da Revolução

PARQUES


Os parques de Bucareste são uma ótima opção pra relaxar, fazer um piquenique e fugir do agito da cidade.
  • King Mihai I (Herastrau Park): é o parque mais famoso de Bucareste, cheio de atrações, um lago enorme e atividades relacionadas, além de várias opções de restaurantes, entre os quais merece destaque a Beraria H, a maior cervejaria da Europa! Dá pra passar um dia inteiro lá facilmente.  
  • Cimisgiu: é um parque bem central, fica pertinho da Calea Victoriei, uma das principais de Bucareste. A atração principal aqui é um lago que oferece passeios de barco e pedalinho.
  • Tineretului, Vacaresti, Carol e Izvor: não conheci nenhum deles mas, se tiver com tempo, talvez valha a pena a visita.  

PARLAMENTO ROMENO


É o 2º maior prédio administrativo do mundo! Só perde pro Pentágono). Eu só o visitei por fora mesmo, mas é possível fazer visitas guiadas também. A Fabi do Blog Viagens e Vivências, fez a visita e contou tudo nesse post).

Parlamento Romeno Bucareste
Um pedacinho do enorme Parlamento Romeno, o 2º maior edifício do mundo. 

CALEA VICTORIEI


Uma das principais avenidas de Bucareste. Rodeada de lojas, restaurantes, hotéis e prédios históricos, entre os quais se destacam o belíssimo Ateneu Romeno, o Museu Nacional de Arte da Romênia, o Museu Nacional de História da Romênia, a Biblioteca Central Universitária com a estátua do Rei Carol I, em frente. Além de várias praças e igrejas que eu já citei acima. 

PASAJUL VICTORIEI


Uma ruela pequenina que corta a Calea Victoriei e é decorada com várias sombrinhas. Ótimo lugar para tirar umas fotinhas legais! Mas é só isso também! rs

pasajul victoriei bucareste
Aquela foto clássica com as sombrinhas coloridas

CARTURESTI CARUSEL


Uma livraria super gracinha que vende um monte de coisinhas legais, além de livros, claro! Dá vontade de comprar tudo! hehe Vale a pena dar um pulo lá pra fazer umas comprinhas e tirar uma fotinhas, já que ela é muito fotogênica!

Carturesti Carusel livraria Bucareste
Uma graça de lugar essa livraria


CARU'CU BERE


Essa é a cervejaria mais antiga da Romênia. Foi fundada em 1879 e passou por maus bocados durante a era comunista. Mas foi totalmente restaurada (a fachada externa ainda está em reforma) e hoje funciona a todo vapor. É a indicação mais óbvia de onde comer e beber em Bucareste, embora os preços não sejam tão amigáveis como em outros lugares da cidade e o atendimento não seja dos melhores. Ainda assim, o lugar vive lotado, com fila de espera a qualquer hora do dia.

O lugar é bem bonito, é histórico, a cerveja é boa, já a comida não achei nada demais... mas já vi muita gente elogiando. Logicamente, vai ter diferença em relação o prato que cada um pedir e, principalmente, do gosto pessoal! As garçonetes usam roupas típicas e, de tempos em tempos, rolam umas danças típicas no salão.

Então, se realmente fizer questão de visitar essa cervejaria/restaurante é bom fazer reserva ou ter um pouco (ou muito) de paciência tanto pra esperar na fila, como para esperar pelo seu prato. Eu tive foi sorte. Cheguei lá e já entrei quase que imediatamente. Vantagens de se viajar sozinha... muito mais fácil arrumar mesa só pra 1 pessoa, não é mesmo? rs.

Mas se quiserem ter outras experiências gastronômicas mais genuínas e interessantes, a Bruna do blog Expressinha fez uma lista com 10 restaurantes para comer em Bucareste.

Caru'cu bere Bucareste
Cervejaria Caru'cu Bere

WALKING TOURS


Pra mim, uma das melhores formas de conhecer a história de uma cidade é fazendo um walking tour. Eu sempre procuro por um quando estou viajando, de preferência um free walking tour (que na verdade não é totalmente grátis, mas você contribui com quanto quiser, quanto achar que o guia mereça).

Logicamente, quando eu tenho algum interesse em um tema específico, eu vou acabar fazendo um tour pago mesmo, como esse tour maravilhoso sobre a Guerra Fria que fiz em Berlim. Mas, ainda assim, vale fazer também um free walking tour também, se tiver tempo.

Em Bucareste eu fiz 2 free walking tours com a BTrip Free Walking Tours. O 1º foi sobre sobre as lendas e histórias da cidade (Old Town - Legends and Stories) e o 2º sobre Monarquia X Comunismo (Monarchy vs Communism). Na verdade, o 2º tour eu acabei abandonando na metade pois eu não estava aguentando mais a dor das picadas de aranha que levei no dia anterior (contei nesse post Dicas para planejar uma viagem para a Romênia, como eu fui parar em 2 hospitais, de ambulância e tudo mais, graças ao meu seguro viagem).

BATE E VOLTA


Confesso que não sou fã de bate e volta. Evito sempre que possível! Acho cansativo e, geralmente, corrido. Maaas, caso você não tenha outra opção, é possível ter Bucareste como base pra conhecer alguns lugares que ficam relativamente da cidade.

Entre todos, o bate e volta mais popular é para o famoso Castelo de Drácula, situado na cidadezinha de Bran, que fica a quase 200km de Bucareste. Muita gente aproveita pra fazer um tour que inclui também o Castelo de Peles, além do Castelo de Bran. Dá uma olhadinha nesse link pra ver outras opções de tours em Bucareste. 

O famoso Castelo de Bran (Drácula) à esquerda e o lindo Castelo de Peles à esquerda

Mas minha dica é: se programe para visitar a Romênia com tempo suficiente para conhecer mais do que apenas a capital Bucareste e o Castelo do Drácula. O país é incrível, tem cidades fofas, paisagens lindas e muita coisa bacana que merece ser conhecida. Como comentei no início, fiquei 8 dias no país e, se pudesse, teria fica ainda mais tempo. Escrevi meu roteiro de viagem completo com todos os lugares por onde passei, nesse post. Confira!

➤ Saiba mais sobre a Romênia aqui: www.revivendoviagens/romenia


Já segue o blog no Instagram? Vai lá então: @revivendoviagens
Tá cheio de fotos lindas da Romênia lá! É só procurar pela hashtag #RêVivendoaRomênia


--
Tá indo viajar? 

➥ Reserve sua hospedagem pelo Booking, o maior portal de hospedagem do Brasil. Garanta já o melhor preço e vários descontos. É rápido, fácil e seguro!



➥ Não se esqueça de fazer seu seguro viagem. A Real Seguros trabalha com as melhores seguradoras do país. Compare e escolha a melhor opção pra você. Viaje sem correr riscos!

Seguro viagem europa 728x90

➥ E se for alugar um carro, use o serviço da nossa parceira Rental Cars que compara preços e carros de várias locadoras no mundo todo!



✔ Você não paga nada a mais por nada disso, pelo contrário, economiza conseguindo os melhores preços e descontos! E ainda ajuda esse blog a se manter!! ✌

4 comentários :

  1. Oi, Renata. Tudo bem? :)

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oba... obrigada pelo destaque, Natalie!
      Adoro o Linkódromo! :)

      Excluir
  2. Essa livraria é do melhor (e muito fotogénica). Estive em Bucareste há pouco tempo, sem grandes expectativas, e foi uma boa surpresa. Abraço e parabéns pelo relato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, ela é linda! Bucareste é mesmo surpreendente!
      Obrigada :)

      Excluir

Comente aqui