18

Onde se hospedar em Malta?

Renata Campos | 25.3.15 |
Hospedagem em Malta


Malta é um país minúsculo, como já contei aqui. Mas, ainda assim, escolher bem onde se hospedar é essencial! A ilha é pequena e as atrações estão espalhadas por praticamente toda sua extensão, mas o mesmo não acontece com a infraestrutura de hospedagem e diversão, que estão concentrados em algumas poucas áreas. A principal delas, o eixo San Julians-Sliema-Valletta, é a área mais turística de Malta.

Ficar hospedado por ali é uma excelente opção, não apenas pela maior oferta de hotéis/pousadas/hostels/apartamentos de temporada, mas também pela diversidade de restaurantes, bares, lojas e também pelo transporte público. Existem ainda outras áreas como Bugibba, San Paul, Mellieha, etc., que também possuem uma infraestrutura bacana. O único problema é que a oferta e frequência de ônibus é menor. 

Quando decidi fazer um intercâmbio de inglês em Malta e comecei a pesquisar hospedagem, eu me assutei com o preço dos apartamentos e residências estudantis das escolas. Em alguns casos, o valor era maior até mesmo que o próprio curso de inglês em si. O problema é que eu viajei no auge do verão, em super alta temporada e aí as escolas cobram uma taxa extra chamada "adicional verão" que encarece, ainda mais, as já caras hospedagens estudantis. E outra, quartos individuais são ainda mais caros! E eu, balzaquiana-implicante-de-carteirinha, fiquei com receio de dividir o quarto com uma (ou mais) pessoa por 30 dias. Poderia ser uma ótima ou uma péssima experiência, mas preferi não arriscar! Uma coisa é você dividir um quarto com várias pessoas que nem sempre terá muito contato, em um hostel. Outra, é passar um mês com a mesma pessoa chata.

Seguro viagem europa 468x60

Resolvi, então, procurar hospedagem por fora. Os preços, embora bem salgadinhos (euro, né?), já era mais em conta. Depois de muuuuita pesquisa, decide dividir minha estadia em 2 lugares totalmente diferentes e escolhi também cidades diferentes para ficar. 

Vocês podem estar se perguntando porque eu não fiquei quieta num lugar só. Afinal de contas, arrumar (e desarrumar) mala no meio da viagem não foi nada legal mesmo! Bom, mas o principal motivo foi fazer economia mesmo. A princípio, eu tinha optado por alugar um quarto em um apartamento que ficava bem próximo da escola que eu estudaria, a EC. O preço não era ótimo, mas era melhor do que o da escola. Resolvi dar uma olhada em hostels então. Achei um que parecia bem bacana e o preço era bem melhor também. Mas é aquela coisa, né? Quarto compartilhado! Aí fiquei pensando que talvez eu pudesse querer um pouco de privacidade depois de tanto tempo por lá! Assim, decidi ficar os primeiros quinze dias no hostel e os outros quinze no apartamento

E no final do intercâmbio, passei uma semana em Barcelona e depois voltei pra Malta pra ficar mais 2 dias e pegar o voo de volta pra casa. E aí me hospedei em um outro hostel que reservei pelo Booking, lá em Malta mesmo. 

Portanto, vou falar um pouco aqui dos 3 lugares onde me hospedei em Malta! E isso serve tanto pra quem vai fazer um intercâmbio e quer uma alternativa diferente das hospedagens oferecidas pelas escolas e pelas agências, como pra quem está indo pra Malta apenas pra fazer turismo mesmo! 

Pra começar, ta aí um mapinha onde marquei os lugares que fiquei e também a escola que estudei: 

Onde se hospedar em Malta
Mapa da localização das minhas hospedagens em Malta

Onde se hospedar em Malta?

Two Pillows Boutique Hostel


Minha primeira hospedagem em Malta foi no hostel Two Pillows, na bela cidade de Sliema. O hostel é super bem localizado. Fica numa ruazinha calma lotada de casinhas típicas com suas portas, janelas e varandas coloridas. Uma graça! A entrada e a placa do hostel mesmo são bem discretas e, se você não prestar atenção, passa batido por ele facilmente!

Combine direitinho o horário que vai chegar pra ter alguém te esperando pra te receber. Caso chegue depois das 22h, como eu, avise antecipadamente pois não fica ninguém lá a noite! Aí eles te passarão as instruções de como entrar no hostel. Mas, basicamente, sempre que a porta estiver trancada, você terá que digitar um código (que muda todo mês) no "interfone" que fica na porta.

Hospedagem em Malta
Entrada do 2 Pillows Hostel

Apesar de estar localizado num lugar calmo, a rua do hostel faz esquina com a avenida beira-mar que é lotada de bares, restaurantes, lojas, supermercados e tudo mais. Além dos pontos de ônibus comuns, do ônibus que vai pro aeroporto, do ônibus tipo Hop on Hop Off, das embarcações para Valletta e outros lugares. Sem falar que a cidade de Sliema é uma lindinha demais! Eu fiquei apaixonada! As casinhas são lindas, as vistas são são maravilhosas e os restaurantes e bares ótimos! Eu adorava caminhar pelo calçadão, tanto de dia quanto à noite e ficar apreciando tudo. 

O único porém, no meu caso, é que o hostel ficava um pouco longe da escola que estudei, então eu precisava pegar ônibus todos os dias. Mas isso não chegava a ser ruim, as paisagens do ônibus eram tão bonitas que eu nem ligava, pelo contrário! E pra quem vai à Malta só a passeio, acredito que Sliema seja o melhor lugar pra se hospedar

Hospedagem em Malta
Olha essa vista lindíssima de Valletta, a capital maltesa, que se tem do calção de Sliema.
É ou não é pra se apaixonar pela cidade? 

Bom, mas falando do hostel em si, eu gostei bastante de lá. Não é a toa que ele é super bem avaliado no TripAdvisor e no Booking. Como eu comentei, ele está localizado numa casa típica maltesa. É pequeno, tem poucos quartos e um atendimento bem caloroso e intimista. A Rita, a dona de lá, conhece todos pelo nome e faz com que a gente se sinta em casa. Tanto que rolou um churrasco de comemoração do 1° aniversário do hostel e todos os hóspedes foram convidados a fazer parte da festa com comida e bebida free! Foi bem bacana!  

Hospedagem em Malta
Churrasco para comemorar um ano do Two Pillows Hostel

As áreas comuns do hostel eram uma graça e bem aconchegantes. Tinha uma sala no subsolo com tv, sofás e sinuca, que era ótima pra dar uma relaxada quando estava mais vazia. Tinha outra sala, ao lado da cozinha, com uma mesa grande que era um local bacana pra socializar com o pessoal, 2 poltronas gostosinhas com revistas e guias de viagem. Ao lado, tinha uma varanda com mesinhas e uma rede, que era meu lugar preferido pra comer e pra fazer os exercícios da escola (é, tá pensando que tudo são flores? rs). E, por fim, a cozinha era ótima! Super bem equipada e muito bem decorada! Uma graça! Queria uma dessas na minha casa!! hehe

Hospedagem em Malta
Sala de estar super gostosinha no subsolo
hospedagem em Malta
Meu local predileto no Two Pillows Hostel, a varanda super gracinha
Hospedagem em Malta
Olha que gracinha de cozinha
Hospedagem em Malta
Cozinha completíssima do  Two Pillows Hostel
Hospedagem em Malta
Geladeiras e armário da cozinha. Tem espaço pra todo mundo lá!

Fiquei em um quarto com 6 camas e banheiro privado mas que era dividido com o quarto do lado, que era de 4 camas. O banheiro era bem arrumadinho e limpinho, mas tinha só 2 chuveiros e uma única privada, que ficava no mesmo box que um dos chuveiros. E isso pra ser dividido por 10 pessoas! Pra mim isso não chegou a ser um problema, já que meus horários eram diferentes dos da maioria das pessoas. Mas né? Acho que pode ter sido meio tumultuado pro resto do pessoal, não sei!

Bom, mas o ponto alto mesmo eram as camas. Super confortáveis! As beliches eram bem altas (odeio beliche que não dá nem pra sentar direito na cama debaixo) e bem firmes também (não balançava e mal dava pra sentir a pessoa da cama de cima subindo as escadas). Sem falar que todas as camas tinham 2 travesseiros, daí o nome do hostel: Two Pillows! Adorei! É porque eu só durmo com 2 travesseiros e sempre viajo com um travesseirinho pra não sofrer muito pra dormir! haha

Hospedagem em Malta
Quarto do Two Pillows Hostel
Hospedagem em Malta
Banheiro do nosso quarto no Two Pillows Hostel

Two Pillows Hostel
Endereço: Triq (rua) San Piju V, n. 49. Sliema, Malta
Reservas/www.booking.com/two-pillows


Ver mapa maior

Pamela's House


Minha segunda hospedagem em Malta foi num quarto que aluguei pelo AirBnB. Pra quem ainda não conhece, através desse site você consegue alugar quartos na casa de moradores locais ou até mesmo apartamentos inteiros, em vários lugares do mundo. Eu fiquei no apartamento da Pamela e achei super de boa! Ela era simpática, mas não era muito de conversa não. Se bem que a gente pouco se encontrava também! Teve até um final de semana que ela viajou com o namorado e eu fiquei sozinha lá. No mesmo dia que cheguei, ela me deu as chaves de casa e eu tinha total liberdade de entrar e sair a hora que quisesse, claro!

O apartamento era pequeno, mas bem aconchegante. Tinha 2 quartos, o dela e o "meu", uma cozinha conjugada com a sala e uma varanda. A cozinha era bem bacana, toda equipada e a Pamela separou um espaço na geladeira e no armário também! A sala tinha um sofá bem confortável e uma estante daquelas de deixar qualquer apaixonado por viagens babando nos vários guias de viagem dela.

Hospedagem em Malta
Cozinha e sala conjugados
Hospedagem em Malta
Cozinha
Hospedagem em Malta
Sala e a estante babado cheia de guias de viagem
Hospedagem em Malta
Sala e varanda

O banheiro era só um pra nós 2, até aí tudo bem. O problema era que não existia chuveiro!!!! Eu já viajei pra muitos lugares onde só uma ducha (tipo um chuveirinho maior), mas em todos esses lugares, sempre tinha um suporte pra colocar a ducha e aí ela virava um chuveiro normal! Só que na casa da Pamela não existia esse suporte!! Então, pra tomar banho eu tinha que ficar segurando aquela ducha o tempo todo. Imaginem a trabalheira que era pra enxaguar o cabelo só com uma mão? E isso dentro de uma banheira, sem box ou cortinha. Eu fazia uma senhora lambança no banheiro! rs

Hospedagem em Malta
Foto do banheiro da Pamela.
Reparem só na ducha enrolada na torneira.. custava instalar um suporte na parade, gente?

Fora isso, todo o restante era bom. O quarto que eu fiquei era bem pequeno e apertadinho. Tinha uma cama, um armário, uma cômoda, além de um ventilador e um ar condicionado, mas espaço para eu me locomover. Só que eu também não ficava quase nada no quarto, era só pra dormir mesmo, então foi de boa! Eu ficava tão pouco tempo ali e fui adiando pra tirar uma foto do quarto, mas acabei não tirando!! Mancada feita a minha, desculpem!

O apartamento fica na cidade de Swieqi, que é basicamente residencial e super tranquila. Swieqi não é lá uma cidade com muitos atrativos (como minha queridinha Sliema) mas fica pertinho de St Julians, Paceville e da escola que eu estudava! Então, por esse lado foi super válido ficar hospedada lá!

Pamela's House
Endereço: Triq (rua) il-Ktajjen, n. 31. Swieqi, Malta
Reservawww.airbnb.com.br/room-swieqi


Ver mapa maior


PV Hostel


E pra finalizar, fiquei hospedada no PV hostel por apenas 2 dias, já no finalzinho da viagem. Quando eu terminei o intercâmbio, passei uma semana em Barcelona e voltei pra Malta, onde fiquei mais 2 dias e, então, peguei o voo de volta ao Brasil.

Escolhi o PV por causa do preço e também pela localização, que pode ser excelente ou péssima... vai depender do seu interesse. O PV fica bem na "muvuca" de Paceville (área que tem a maior concentração de bares e boates em Malta), então, se a idéia é aproveitar a vida noturna, você está no lugar certo. Mas se você quer algo mais sossegado, então essa já não seria uma boa opção pra você!

Pra mim foi ótimo. O hostel ficava próximo ao apartamento onde eu estava hospedada e consegui levar minha mala pra lá sem precisar de táxi (economia, sempre). Uns dias antes de viajar, fui a hostel, conheci as acomodações e combinei com o pessoal de deixar minha mala lá enquanto estivesse na Espanha (viajei com uma dessas low cost da vida e só poderia ir com uma bagagem de mão pequena). E, apesar de não ter gostado muito de Paceville, o lugar tem também sua parte bacana sim. Pra mim, o problema era a quantidade de adolescentes bêbados por centímetro quadrado! Mas depois de um tempo em Malta, eu já conseguia não me estressar com a parte ruim e aproveitar o melhor do lugar!! Optei por ficar lá sabendo de todos os prós e contras e não me arrependo!

O hostel não tinha uma área de convivência, o pessoal ficava batendo papo mesmo era na escada da porta, e aproveitava pra olhar o movimento. Também não oferecia café da manhã, mas tinha uma cozinha comunitária que não cheguei a usar, mas que dava pra comprar coisas no mercadinho 24h que fica ao lado ou então nos vários supermercados próximos. Além disso, a região é lotada de bares e restaurantes pra todos os gostos e bolsos.

Como você podem reparar na foto abaixo, o PV hostel fica num prédio de 3 andares, então as escadas podem ser um problema pra quem estiver com malas pesadas. Fiquei em um desses quartos virados pra rua e o barulho não chegou a incomodar muito. Minha cama era a mais afastada da janela e dormia com o ventilador ligado, que abafa um pouco do barulho, e tampão de ouvido (sempre). Mas acredito que nos quartos que são virados pra outra rua, que é mesmo a rua do agito, o barulho pode atrapalhar mais. 

Hospedagem em Malta
Fachada e entrada do PV Hostel

Fiquei num quarto quádruplo só para mulheres. E o que mais gostei do quarto foi que todas as camas eras individuais (não tinha beliche), além de muito confortáveis e também com 2 travesseiros (adoro)! Cada cama tinha um tomada próxima e também uma luz individual, assim não é preciso acender a luz principal e incomodar o restante do quarto. Havia também um escaninho com chave para cada uma, além de um armário com cabides!

As meninas do meu quarto eram gente boas e super tranquilas. Mas nos quartos vizinhos vi uns meninos meio chatos, bêbados, falando alto e tal, mas nada que me incomodasse. O quarto não tinha banheiro, mas eles (eram 3 pros 4 quartos do andar) ficavam bem ao lado do quarto.

Hospedagem em Malta
Quarto quádruplo com camas individuais do PV hostel
Hospedagem em Malta
Banheiro compartilhado do PV Hostel


PV Hostel
Endereço: Triq (rua) il-Wilga, n. 13. St Julian's, Malta
Reservaswww.booking.com/pv-hostel


Ver mapa maior


Muita gente me cobrou sobre hospedagem, demorou, mas enfim o post saiu! Espero que ajude quem está programando conhecer Malta, seja pra estudar ou apenas para turismo mesmo! 


Saiba mais sobre Malta
Malta: como, onde e por quê?
Intercâmbio depois dos 30?
Intercâmbio: Como escolher a melhor escola... pra você?
Como é estudar na EC
O paraíso é aqui: Blue Lagoon

--

Tá indo viajar? 

➥ Reserve sua hospedagem pelo Booking, o maior portal de hospedagem do Brasil. Garanta já o melhor preço e vários descontos. É rápido, fácil e seguro!




➥ Não se esqueça de fazer seu seguro viagem. A Real Seguros trabalha com as melhores seguradoras do país. Compare e escolha a melhor opção pra você. Viaje sem correr riscos!

Seguro viagem europa 728x90

➥ E se for alugar um carro, use o serviço da nossa parceira Rental Cars que compara preços e carros de várias locadoras no mundo todo!




✔ Você não paga nada a mais por nada disso, pelo contrário, economiza conseguindo os melhores preços e descontos! E ainda ajuda esse blog a se manter!! ✌

18 comentários :

  1. Olá Renata
    Irei para Malta em junho e vou estudar na escola EC no curso 30+, pois tenho 34 anos.
    Estou na dúvida entre ficar na residência estudantil próxima a escola ou alugar um quarto pelo Airbnb bem bacana que vi Sliema.
    O que você sugere? Fico com receio de ficar isolada dos demais estudantes. Você sabe me dizer se a maioria do pessoal nessa faixa de idade fica em residência estudantil? Ou cada um por conta?
    Desde já, muito obrigada! :)
    Juliana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana, tudo bem?
      Então, isso é bem relativo. Vai do gosto e do bolso mesmo!
      Eu até cheguei a olhar algumas residências estudantis mas elas eram bem caras, até mesmo que tinha uma taxa extra "de verão". Conheci quem tivesse ficado em apartamento de 2 ou 3 quartos, dividindo o quarto ou não. E também quem tivesse ficado num residência estudantil que é tipo hotel, com quartos individuais com banheiro, cozinha compartilhada e até porteiro.
      Mas tudo isso era bem mais caro do que as hospedagens que encontrei por conta própria. E conheci outras pessoas que estava em hotéis ali perto tb!
      Quanto a ficar isolada, eu até gosto dessa individualidade, sabe? E outra, eu fiquei mais amiga mesmo foi do pessoal da minha sala (e também do pessoal que começou na mesma semana que eu, fizemos as provas juntos e fomos pro jantar que a EC oferece juntos) então cada um morava num lugar diferente, a gente marcava de se encontrar e fazer algo. Estava sempre com o pessoal, o tempo todo! E prezava muito os poucos momentos que eu conseguia ficar sozinha pra relaxar, algo que nem sempre é possível quando você está dividindo o quarto ou a casa com alguém!
      Por isso que eu falo que é gosto, sabe?
      Boa sorte, boa viagem e aproveite muuuuuuito Malta!!

      Excluir
  2. Muito obrigada pelas dicas!
    Concordo com você e optei em não hospedar na residência pois o valor é alto. Vi que você se hospedou em Sliema e em Swieqi. Em relação a distância, acha que vale a pena ficar perto da escola? Penso que para os eventos noturnos com os amigos, morar em Sliema pode ser complicado.
    Ah! Conheci seu blog numa pesquisa que fiz sobre Malta. Muito bom! Parabéns! Agora estou seguindo também no face! :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Juliana,
      Que ótimo! Obrigada! :-)
      Então, em Sliema realmente é um pouco mais complicado pra sair à noite em St Julians ou em Paceville porque os ônibus noturnos são uma dificuldaaaaade! Mas existem alguns táxis comunitários (tem um ponto em frente ao ponto de bus em St Julians) que quebram bem o galho. E, dependendo de onde você ficar em Sliema dá pra voltar à pé também, super de boa! Sem falar que existem uns barzinhos bem bacanas em Sliema tb, que dá um pessoal mais velho. Pq em Paceville, pelo menos no verão, a grande maioria dos lugares só dá "criança". Mas não se assuste, procurando bem você encontra um público mais adulto também! hehe
      Boa sorte! E boa viagem! :-*

      Excluir
    2. Renata quanto foi a diaria do hostel em euro..

      Excluir
    3. Oi Thaty, tudo bem?
      Já tem 2 anos e meio que eu fui então os valores que paguei podem estar desatualizados. Acho melhor você simular os preços pra época que você vai. Pois isso muda muito também. No verão é tudo beeem mais caro!
      Em cada uma das hospedagens que eu citei, existe um link para você conferir os valores atuais.

      Excluir
  3. Renata,
    Já cometei em outro post seu (sobre a EC) e lá eu digo que, além das 2 semanas de curso que farei no final de setembro / inicio de outubro, ficarei mais uns dias.
    Como você mesma comentou e é sabido, a hospedagem pela escola é mais cara, então estou pesquisando onde me hospedar após o curso (fechei o curso com hospedagem em residência estudantil).
    Eu já me hospedei em hostels, porém sempre em suíte. O meu único receio em ficar em quarto coletivo é em relação a bagagem. Como estou precisando economizar nessa hospedagem extra, estou cogitando ficar em coletivo, que é bemmm mais em conta. O que você poderia dizer sobre a bagagem? Normalmente os quartos coletivos tem aqueles lockers minúsculos que cabem apenas uma mochila.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi de novo Gisele! rs
      Então, tudo depende do hostel! Alguns tem só um locker pequeno mesmo. Aí eu costumo colocar as coisas mais importantes lá e trancar. O resto deixo na mala mesmo, mas trancada com cadeado também!
      Outros lugares tem lockers maiores onde cabe a mala inteira lá dentro. Ou, pelo menos, tudo o que está dentro da mala. No two pillows era assim. Tem um gavetão enorme debaixo da cama (acho que na foto dá pra ver) e eu praticamente tudo que levei lá dentro e deixava trancado!
      Eu já fiquei em muito hostel nessa vida e, graças a Deus, nunca tive problema nenhum! Mas conheço pessoas que já foram roubadas tanto em hostel como em hotel mesmo! Ou seja... garantia a gente nunca tem de nada, né? Maaass.. fazer o que? rs
      Vai sem medo! hehe

      Excluir
    2. Renata, minha conselheira! hauhauha
      Acho que vou fechar algum hostel mesmo e vou sem medo!
      Obrigada!

      Excluir
  4. Olá, Renata,
    Você recomenda algum lugar próximo de praia?
    Ainda não escolhi a escola, mas tenho fortes recomendações da EC, queria um lugar que conseguisse ir a pé para a escola e para a praia. Sou adulta, então também não gosto de adolescente bêbado rs Adorei suas dicas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Bom, se vc for estudar na EC mesmo, o ideal é vc ficar hospedada em St Julians mesmo ou ainda em Sliema ou em Swieqi que são cidades próximas onde geralmente vc consegue ir a pé pra escola (mas confira no mapa antes pra ter certeza que não é muito longe). Ficando nesses lugares vc tb consegue ir a pé pra algumas das praias centrais que na verdade não são exatamente praias, mas eu adorei. Pra ir pras praias de areia vc terá que pegar ônibus, pois elas são mais afastadas. Mas é super tranquilo. Tem bus toda hora e é bem barato. A passagem serve pra um dia inteiro e vc pode comprar passes e pagar ainda mais barato!
      Se eu fosse você focaria mais em estar próxima à escola do que à praia! Pois o bacana é vc explorar a ilha e ir cada dia pra um lugar!
      Boa viagem e curta muuuuito Malta! :-)

      Excluir
  5. Oi Renata primeiramente quero te parabenizar pelo Blog. Ele completo e bem detalhado como gosto! rsrsr
    Estou indo pra Malta em Junho do ano q vem para um intercâmbio de 03 semanas e também estou procurando lugares mais em conta para me hospedar. E por enquanto o lugar mais em conta é mesmo em Sliema. Por isso gostaria de saber quanto tempo levar de ônibus de sliema até a EC e se é fácil o transporte por lá.
    A minha outra dúvida é saber quantos euros devo levar para passar as 3 semanas de forma econômica. Quanto custa em médias os passeios, a alimentação, transporte essas coisas coisas. Pode me ajudar?

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Elaine, tudo bem?
      Muito obrigada! :)

      Bom, depende muito de onde vc ficará em Sliema... uma amiga ficou bem na divisa de Sliema com St Julians e dava pra ir à pé de boa. Já eu fiquei um pouco mais afastada e tinha que pegar ônibus, mas não gastava muito tempo não! Uns 20 minutos talvez! Acho que até menos!
      Quanto mais próximo à orla vc ficar, mais fácil é pra pegar o ônibus! É super tranquilo o transporte e barato tb! A passagem custava 1 euro e vc podia andar com o mesmo ticket o dia inteiro. Tinha até uns tickets semanais que valiam super a pena!
      Qto dinheiro levar é meio complicado... vai de cada um!
      Eu não fiz muitos passeios, fui pra grande maioria dos lugares por conta própria pq ficava bem mais em conta e eu poderia fazer do jeito e no tempo que eu quisesse! Alimentação tb não é cara! Mas tudo depende do lugar que vc vai e do tipo de comida que vc pede! Eu levei mil euros e deu tranquilo, mas alguns colegas levaram o dobro ou até o triplo e gastaram tudo! Enquanto outros gastaram até menos do que eu. Portanto, não existe muito uma média de gastos. Existem viagens diferentes... rs
      Mas boa sorte e boa viagem!
      Curta muuuuuuuuito Malta!

      Excluir
    2. Muito Obrigada Renata pelas dicas.

      Excluir
  6. Adriana Landeiro14.12.16

    Oi Renata,

    Me tira umas dúvidas sobre o PV hostel.
    Como foi a acolhida lá? Os funcionários, donos são atenciosos?
    O lugar é limpo?
    Os armários são individuais? São espaçosos?
    No caso, são três banheiros coletivos por andar?
    Pensei em fazer Worldpackers para economizar. Você conhece alguém que já fez?

    Ah, e parabens pelo blog, está ajudando bastante!

    Att,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adriana, tudo bem?
      Muito obrigada! Que bom que esta te ajudando! :)
      Posso ser bem sincera? Não lembro muito bem como fui recebida pelos funcionários (não vi os donos) de lá náo. Já tem 2 anos e meio e já viajei muito depois disso. Minha memória não é boa o suficiente pra lembrar exatamente da acolhida de todos os lugares que já fiquei! rs Mas não lembro de nada de muito diferente, então devo ter sido bem recebida! E também só fiquei 2 dias lá. Então foi tudo muito rapidinho mesmo.
      O quarto que eu fiquei era limpo sim! Os banheiros (sim, 3 coletivos por andar) eram limpos constantemente, mas cheguei a pegá-los meio sujos depois de outros usarem. Normal!
      Os armários são individuais e de um tamanho bom. O cofre que é menorzinho. Tem fotos dos 2 no post.
      Não conheço quem tenha feito Worldpacker em Malta. Se vc ficar bastante tempo pode ser interessante. Mas se ficar menos tempo já não sei. Vc já vai gastar metade do dia estudando, se tiver que trabalhar na outra metade não vai sobrar muito tempo pra conhecer o país, que é incrível!
      De toda forma, vá em frente e boa viagem! :-)

      Excluir
  7. Oi Renata. Tudo bem.
    O que você poderia dizer sobre alugar uma casa ou apartamento la. Assim como fazemos em qualquer pais que se vai para estudar e viver?
    É possivel ou viavel?

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei Andre, tudo bem?
      É possível sim, claro! Muita gente faz isso!
      Mas pela internet vc não vai conseguir tantas informações e nem muita opção. O melhor é olhar isso lá mesmo. O que muita gente faz é reservar uma semana, 10 dias, ou 1 mês (dependendo do tempo que vc ficará lá) e depois correr atrás de uma casa ou apartamento. Tem muitas opções pra todos os gostos e bolsos.
      Boa viagem

      Excluir

Comente aqui